[wp_show_posts id="376"]

#walreisemoutraspalavras

Coluna Sinta & Liga – Amor à segunda vista

“Parece que ela se separou. Encontrou um ex-namorado dos tempos de colégio. Viúvo, com filhos criados. Estão juntos e parece que agora, finalmente, vão ser felizes para sempre.” Vira e mexe me deparo com um relato mais ou menos assim. Uma espécie de resgate que não espera outra vida para acontecer. Ciclos que parecem ter a necessidade de serem concluídos, trazendo de volta amores que não se conformaram com o fim. Deixamos essas pessoas importantes para trás, sem entender muito bem o porquê: uma briga, um desencontro, um “cada um seguiu para um lado” e, quando nos damos conta, já é tarde para desfazer mal feitos. Você casou, ele casou. Você mudou de cidade, ele mudou de país. Não sobraram nem os amigos em comum e vocês se perderam, sem nunca terem desocupado o coração um do outro. Passam-se os anos e as lembranças vão ficando mais desbotadas. Mas você sempre arranja um jeito de mencionar o nome dele em uma conversa, de contar um caso, uma história na qual eram os protagonistas, nem que seja uma história inventada. Uma tentativa de trazê-lo para o mundo real, de misturá-lo com o agora. Quando os dias escurecem e os caminhos parecem ... Leia Mais

Coluna Sinta & Liga – Idiossincrasias femininas

Mulher: “Como eu pude deixar isso acontecer? Dois dedos de raiz branca! Aquele cara está me olhando há meia hora, inconformado com esse relaxo. Pensa que tenho 85 anos e não conheço o caminho do cabeleireiro. Vou achar um banheiro e cobrir essa tragédia com rímel.” Aquele cara: “Nossa, que gata! Jeito de executiva bem resolvida. Vou puxar papo com ela e… cadê ela?” Mulher: “Por que eu não sou adepta do islamismo? De burca ninguém ia ver esse monte de celulite… aquele surfista acha que dormi embalada no plástico bolha.” Aquele surfista: “Muito gostosa. Mas nem levanta a cabeça.”  Mulher: “Vestido horrível. Fico péssima de vermelho, pareço um caqui maduro. E marca  até o colo do útero. Preciso de uma lipo urgente. Olha lá o homem medindo o tamanho da minha barriga. Deve ser cirurgião plástico.” Homem que não é cirurgião plástico: “Olha só: uma dama de vermelho. Uau! Que cinturinha…” Mulher: “O crush reparou na calcinha bege.Tentei ser rápida, mas certamente lembrou das peças íntimas da avó penduradas no varal. Que diabos eu tinha que colocar essa droga de calcinha justo hoje, sabendo da chance de ela protagonizar a cena, com tanta rendinha sexy na gaveta? Crush: “Inesquecível. Que ... Leia Mais